Eventos inovadores ampliam fluxos de visitantes

O fenômeno turístico é uma fonte inesgotável de uma série de oportunidades. Seja na estruturação da oferta turística; na delimitação do bem e/ou serviço a ser oferecido; na qualificação para atender a demanda; no apoio ou realização da promoção; no apoio ou na comercialização e na avaliação constante. Na realidade, não existem barreiras para as entradas nos competitivos mercados do Turismo nacional e internacional. Seguindo a sequência lógica do planejamento, organização, gestão e controle, qualquer iniciativa pode ter sucesso, desde que atenda à demanda. As ameaças são identificadas quando o “ deveria ser “ cria ilusões para muitos empreendedores ou apaixonados pelo Turismo. Vivemos em uma Economia de Mercado onde as realidades dos fatos destroem as boas ou más intenções. Considerando-se a estruturação da oferta turística, observa-se que os investimentos são fundamentais para delimitar aquilo que será oferecido, principalmente nos acessos aos núcleos receptores e nos serviços locais receptivos, entre outros. No caso dos eventos, as possibilidades podem ser ampliadas com criatividade e usabilidade, gerando inovações capazes de atraírem visitantes. Naturalmente, uma boa ideia, devidamente desenvolvida profissionalmente pode trazer bons benefícios para seu criador e ao grupo integrante. Observa-se que muitos Municípios utilizam seus eventos para promoverem seus aspectos geográficos, históricos, culturais, equipamentos e serviços, através de comemorações diversas. Existem eventos vinculadas às estações do ano e às produções locais, com a agricultura, pecuária, incluindo máquinas e equipamentos vinculados. Existem eventos religiosos; artísticos, incluindo apresentações musicais, teatrais e danças, sem esquecer os eventos profissionais diversos, grandes destaques no Turismo Urbano. Convém destacar que um Calendário Anual de Eventos pode contribuir na promoção do Destino Turístico, gerando fluxos específicos e ampliando as possibilidades para o “antes” e o “depois” das suas realizações, em áreas urbanas ou rurais. Portanto, no caso que o Município pretenda ingressar no mercado turístico, uma boa alternativa é elaborar, qualificar e promover seus eventos locais atraindo visitantes, completando os aspectos positivos identificados, principalmente no bem receber da sua comunidade. Além disso, os eventos inovadores criam demandas e aumentam fluxos de visitantes nas quatro estações do ano. Pode-se concluir que o Turismo, os Eventos e a Inovação, com transversalidade e profissionalismo, estão juntos na criação, aperfeiçoamento, adequação, captação, parceria e produção conjunta   criando   novas oportunidades. A inovação gera notícias e mídia espontânea, atraindo interessados no evento e no núcleo receptor, aumentando os fluxos de visitantes. É assim no mundo todo. Será? Respeitam-se todas as opiniões contrárias. São reflexões. Podem ser úteis. Pensem nisso.

Abdon Barretto Filho

Abdon Barretto Filho

Economista e Mestre em Comunicação Social. Especializado em Economia, Comunicação e Marketing aplicados às Cidades ( City Marketing),Empresas e Entidades, destacando-se Eventos, Hotelaria, Hospitalidade e o Turismo. Consultor, Conferencista, Conselheiro, Diretor, Escritor, Colaborador em Veículos de Comunicação

Gostou desse conteúdo? Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abdon Barretto Filho
Economista e Mestre em Comunicação Social.

Acompanhe as novidades